Série ficcional H. Miller – VI: Mishima, Cronos e Miller ´quixotescamente´

5 mar

Por Lia Mirror e Gisèle Miranda


Willian A. Bouguereau (1825-1905), Aphrodite ou Vênus.

Fui arrebatada por uma euforia incomum. Como uma lagartixa fui jogada, estatelei na parede e gélida caí aos seus pés. Pensei que seria o meu fim, mas perdi a cauda quase como uma tática para que os seus pés recuassem por misericórdia.

Em brancas nuvens me fingi de morta. Esperava um milagre: uma direção ou uma camuflagem. Seus pés ritmaram um swing de tolerância momentânea. Indefesa ou inoportunamente ali, deixei-me ser condenada. Tal decisão foi refletida em segundos, mas pareciam horas.

Sim, deixei-me à sentença de vida ou morte. Já não tinha medo; o que me fez olhar-te com profundidade de quem o desafia. Eu sou tão pequena e estou tão frágil que cruzei os limites da braveza por instantes a fim de recobrar minha fonte guerreira, creio, pois ao pensar em Yukio Mishima percebi que meu algoz estava à espreita de um harakiri.

Estufei meu peito e corrigi a má postura. Meus pequenos seios tão naturais não se retraíram diante da matrona que invadiu sob forma gorduresca, os alicerces de um tempo diminuto, porém com clara previsão da buchada.

Quase como um suspiro, pronunciei o nome de meu querido Miller. A voz espacejou. Eis que suas mãos arrebentaram minha doce seda que caía como uma luva sobre os meus peitos e minhas curvas excedentes de desejos que a natureza generosa iluminava sob a lua cheia.

Cronos veio interferir com sua risada à minha suposta desafeto; olhou-a como tempo empobrecido, e a mim como sua ninfa de um tempo progresso. Num riso irônico, enfeou-a em sua etariedade débil e entrelaçou seu pórtico banal junto ao seu Sancho Pança.

Miller catou-me pela cintura e beijou-me com seu doce ardor literário. Ele descortinou os moinhos quixotescos e disse-me ao pé do ouvido, arrepiando-me toda: – Tu és valiosa e valorosa mulher, a quem os fracos e os ausentes de seus colhões não a alcançarão nem em outras vidas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: