Série Emmanuel Nery III: Bar Alpino em Orelhas sobre a mesa

27 abr

por Gisèle Miranda

 

 

 

Emmanuel Nery (RJ, 1931-RJ, 2003), Orelhas sobre a mesa, acrílico s/ tela 55 x 46 cm, 1986.

 

 

Elencando o espaço de percepções de Bar Alpino (imagem-texto anterior da Série Emmanuel Nery)  à imagem Orelhas sobre a mesa reforça o relato pictorial do artista sobre a cidade e a transforma em possibilidades de exprimir a tensão entre a racionalidade e o emaranhado das existências humanas. (Calvino, 1991)

Em Orelhas sobre a mesa os excessos da incomunicabilidade através de duas figuras deformadas pela falta de diálogo; o raciocínio confunde-se com a força bruta: “facas sobre a mesa… não orelhas sobre a mesa…” – ato falho de Emmanuel Nery.[1] Facas ou orelhas?

A incomunicabilidade da fala e da escuta se estende à inexistência do entorno. Nas cores rosa e azul por Goethe e Kandinsky: a busca teórica de suas escolhas. Para ambos a junção da matriz vermelho que em suas variações resultam em rosa e lilás; e com o azul, o resultado da violeta, que variavelmente chegará à rosa – em movimento concêntrico.

 

 


[1] Emmanuel Nery em 30 de junho de 1993; entrevista à Gisèle Miranda.

Anúncios

Uma resposta to “Série Emmanuel Nery III: Bar Alpino em Orelhas sobre a mesa”

  1. Srta. Sbaile 28 de abril de 2010 às 22:23 #

    Amei isso!!! Fantástico!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: