Série Obra Inacabada III: Cores e Chitas

24 abr

por Priscila Barbeiro

O processo de Cores e Chitas (2016) esteve aliado ao conteúdo histórico-cultural onde a chita se afirma como um dos tecidos da simbólica de usos, desusos e apropriações. A chita é o que melhor traduz os significados de brasilidade e miscigenação ressignificados em objetos artísticos.

O tecido com cara de festa de interior, de brincadeira de criança, de vestidinho de quadrilha, de cortina da fazenda, e toalha de mesa em casa de pau – a – pique; também foi vestido de escrava e já desfilou em passarelas. Foi estampa da elite e do forro de mesa de cozinha.  Vestiu movimentos culturais, coloriu festas populares, participou de tradições religiosas, tornando-se símbolo da moda brasileira.

priscila 2016

Priscila Barbeiro, Cores e Chitas, 2016.

Os florais evocam alegria, as cores expressam a tropicalidade, mas também o aspecto artesanal típico da  cultura brasileira como rendas, bordados, objetos, tapetes de palha trançada, crochês e etc – realizados pelas mãos femininas.

priscila 2016 2

Priscila Barbeiro, Cores e Chitas, 2016.

As cores e os elementos populares me remeteram a Matisse (Le Cateau-chambrésis/FRA,1869  – Nice/FRA, 1954), Leda Catunda (SP/BRA, 1961-), Beatriz Milhazes (RJ/BRA, 1960-), entre outros.

Referências

MELLÃO, Renata; IMBROSI, Renato. Que chita bacana. São Paulo: Editora A Casa, Museu do Objeto brasileiro, 2005.

PAREYSON, L. Os problemas da estética. São Paulo: Martins Fontes Editora, 1984.

SALLES, C. A. O gesto inacabado: processo de criação artística. São Paulo: Fapesp/ Annablume, 1998.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: